Zoox
Zoox
Contato

Dia do Orgulho Nerd/Geek: Conheça a origem da data e detalhes desse universo

EXPERIÊNCIA
Yasmim RestumYasmim Restum - 20 de Maio de 2022.

Há muito tempo, numa galáxia muito, muito distante...gostar de ciência e tecnologia era algo socialmente 'esquisito' e representado em muitos filmes como 'assuntos de malucos'.  Esses assuntos nerds ou geeks, hoje, ganham outro papel social: ser chamado de 'geek' é considerado um elogio por 66% dos millenials (nascidos entre após o início da década de 1980 até, aproximadamente, o final do século) e 31% das pessoas acreditam que geeks têm mais chance de serem bem sucedidos, segundo pesquisa do Masters In IT.

Agora, esses universos abrangem não só ciência e tecnologia, mas também ficção científica, inovação, criações lúdicas e fantásticas, design, games, jogos, cosplays, histórias em quadrinho (HQs), séries, filmes e muito mais.

E  tudo isso passou a ser motivo de muito orgulho. Principalmente no dia 25 de Maio - data que não foi escolhida à toa. Neste artigo, vamos

  • entender melhor a origem dessa comemoração
  • as diferenças entre Nerds e Geeks
  • e o porquê de ser um ótimo momento para se apaixonar por tecnologia e inovação

Como surgiu a data do Dia do Orgulho Nerd/Geek e por que ela é chamada de Dia da Toalha?

O motivo para esse grupo tão estereotipado ter feito sucesso e ganhado uma data vai muito além da estreia da série The Big Bang Theory. A verdade é que essa comemoração é tão recente quanto a própria ideia de que nerd ou geek é algo popularmente tido como legal. Com o boom das tecnologias digitais e a expansão dos mercados de cultura pop nos anos 90 e 2000, o mundo nerd e geek conquistou muito mais adeptos.

No entanto, a data em si tem uma origem anterior a esse período. Ela se deve à data de estreia de Star Wars: Uma Nova Esperança, filme de George Lucas, em 1977. Porém, também no dia 25 de Maio, fãs do autor Douglas Adams, que escreveu a série O Guia do Mochileiro das Galáxias, decidiram homenageá-lo, após a sua morte, em 11 de maio de 2001.

Adams se tornou um dos cânones da literatura nerd ao misturar ficção científica com elementos do humor. E é por causa dele a brincadeira com "O Dia da Toalha". A saga de 5 livros conta a história de Arthur Dent e seus amigos em aventuras pela galáxia e pelo tempo. Um detalhe importante da história é a importância de uma toalha para os viajantes.

No capítulo 3 do livro, ele explica:

“(…) a toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valor prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon; pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas e pesadas do rio Moth; pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em um combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas…“

Por isso, não ache estranho se, no dia 25 de Maio, você vir pessoas na rua com uma toalha à mostra. No que se refere à tradição, a primeira celebração do Dia da Toalha ou do Dia do Orgulho Nerd/Geek aconteceu em 1998, quando o escritor Tim McEachern organizou uma grande festa em um bar de Albany, em Nova Iorque.

A festa acabou tendo mais 2 edições com celebrações não só físicas, como também onlines - o que chamou a atenção do mundo para a data. Em 2006, a celebração se tornou oficial em Madrid pelas mãos do blogueiro espanhol “Señor Buebo“ - tudo em prol dos direitos da comunidade nerd e geek.

Nerd ou Geek: tanto faz?

Nem sempre. Apesar de muitas pessoas acharem que esses termos são sinônimos, as comunidades geek e nerd se diferenciam não só nas origens dos termos, mas também nos hobbies - apesar de ser possível fazer parte de ambos os universos.

Os nerds - como grupo cultural, socialmente - existem há mais tempo do que os geeks. A expressão começou a ser popularmente usada a partir da década de 50 e acredita-se que o primeiro a usar o termo foi Theodor Seussum escritor e cartunista americano.

Em uma de seus obras, ele associa lerdeza a peças de roupa listradas e a pessoas magras, como um personagem cômico: "a nerkle, a nerd and a seersucker too!". A origem também pode ser explicada a partir da palavra nert, que em inglês, significa 'louco'. E desde então, pessoas estudiosas e/ou inteligentes passaram a sofrer com um estigma pejorativo vinculado à palavra nerd.

Nerds, desde sempre, são conhecidos pela intelectualidade, pelo foco em um assunto científico e/ou tecnológico em particular, sem muita conexão com o que é tendência no momento e normalmente são mais interessadas em assuntos acadêmicos ligados à física, matemática, computação, robótica, programação, química, entre outros, além de jogos de tabuleiro ou RPG e histórias em quadrinho (HQs).

Já a palavra geek começou a ser usada como um sinônimo de 'bobo' ou 'louco'. Para o dicionário Oxford, a origem pode vir da palavra em inglês "geck" ou em alemão, "gek". E também era muito usada no meio circense, para definir artistas talentosos e habilidosos que faziam performances excêntricas.

Popular e socialmente, geeks são entusiastas ou estudiosos de tecnologia, inovação e ciência. Mas, diferentes dos nerds, sua cultura está mais associada ao digital - computadores, jogos de videogame, design, gadgets, cinema - e há quem defenda que geeks são interessados, no geral, em novidades tecnológicas e científicas - 45% das pessoas acham que geeks são 'early adopters', ou seja, os primeiros a experimentar novas tecnologias, segundo a pesquisa do Masters In IT.

Por que estamos no melhor momento para se apaixonar por tecnologia e inovação?

Se existe um momento melhor para amar tecnologia, ciência e inovação, esse momento é agora. O mercado de TI cresce de forma exponencial a cada ano, e é um dos mais promissores em volumes de contrações. Um hobby que se torna trabalho e ainda paga suas contas? Sim.

Isso se deve também à alta demanda por transformação digital e inovação nos mais diversos setores. A capacitação de profissionais nesta área, no entanto, por mais que exista, ainda não acompanha as necessidades do mercado - e isso causa um déficit de mão de obra qualificada.

E quando se fala em tecnologia, há muitas áreas de atuação: desde desenvolvimento de games e UX, até criação de sistemas e segurança da informação.

Segundo uma pesquisa da GeekHunter, o total de vagas abertas em tech, no ano de 2020, aumentou em 310%. E, um levantamento do Banco Mundial, mostrou que, até 2024, mais de 420 mil novas vagas de emprego vão surgir na área. Se, por um lado,  pandemia causou muita instabilidade para alguns setores; para outros, foi uma impulsionadora - principalmente diante da necessidade de migrar operações de negócio para o online.

Comentários

Materiais Gratuitos